2.2.10

Marítimo financia Braga?

Li hoje, no jornal A Bola, que o Marítimo emprestou o Olberdam. Sim, é verdade, emprestou um titular: não vendeu o passe; não trocou por outro jogador; não negociou. Emprestou, pura e simplesmente, porque fazia falta ao Braga um substituto ao Vandinho!
Ou seja, o Marítimo não beneficia das mais-valias desportivas, nem do potencial económico do jogador. E não me admirava nada que o dispensassem, a título definitivo, no final da época, em benefício do Braga, sem qualquer tipo de compensação, como fizeram ao Marcinho… Ou ao Mossoró, ou ao Evaldo, ou…
Sinceramente, esta política de gestão de jogadores do Marítimo começa a roçar o absurdo. Carlos Pereira nem consegue dar qualquer estabilidade ao plantel (ou aos treinadores e depois põe-se a vociferar), nem consegue mais-valias financeiras para o clube (se ao menos as saídas compensassem!). Tem uma estratégia ziguezagueante, sem qualquer nexo e começo a suspeitar que não é em benefício do Marítimo. Aliás, estaremos atentos para ver se o Marítimo será ressarcido deste empréstimo (que ricos que somos, para emprestar jogadores ao líder do campeonato…).
Nisto, estou com o BBS: é tempo de agradecer a mandar o Sr. Carlos Pereira à sua vidinha… E rapidamente, antes que ele dê cabo do clube!

1 comentário:

BaBy_BoY_sWiM disse...

é triste é haver pessoas que apoiam e suportam aquele senhor...

O Marítimo devia ter uma estabilidade como a do Braga, ao tempo que está na 1ª divisão já devia ter tido tempo para construir um projecto sério e não ao sabor de betão para alguns meterem dinheiro no bolso...

Enfim...